O setor automotivo deve retomar o crescimento no segundo semestre de 2016. A previsão é do presidente da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), Alarico Assumpção Júnior, em Porto Alegre, durante o almoço Tá Na Mesa, da Federasul. Segundo o dirigente, a expectativa da entidade é de que o volume de veículos cresça entre 4% e 5%, a partir dos resultados positivos do agronegócio no País, em vista da superssafra (de cerca de 209 milhões de toneladas de grãos), principalmente de soja e milho, prevista para o período.

Em âmbito federal, Assumpção considera a interrupção de programas governamentais de financiamento e a recomposição do IPI fatores que “atrapalham”. No entanto, afiram que, neste momento, o “mais importante seria a retomada do PIB, que é o que faz a roda da economia girar”.

(Fonte)